Pés: 5 dicas para cuidar deles no frio

Pés: 5 dicas para cuidar deles no frio

Pés: 5 dicas para cuidar deles no frio Foto: Thinkstock

Esquecer de cuidar dos pés com as temperaturas baixas é bem típico da estação, até porque você usa poucos sapatos abertos e muita…. muita meia e calçados fechados para se proteger dos dias mais frios. Mas é importante ter consciência de que, sim, mesmo nesse período os pés precisam de ventilação e, claro, de cuidados. Caso contrário você poderá ter descamação, ressecamento e fissuras na pele, além de outros pequenos probleminhas.

“Nós devemos ter cuidados básicos com os pés o ano inteiro”, adverte o especialista Jayme Oliveira Filho, dermatologista membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD). Até porque, explica ele, com o tempo frio, a região pode apresentar micoses (frieiras e doenças das unhas), machucados com infecções secundárias causadas por bactérias (piodermites) e calosidades devido a traumas ou doenças virais (verrugas plantares conhecidas como “olho de peixe”). Podem ocorrer ainda episódios de sangramentos, e eles costumam ser extremamente dolorosos.

Depois de todos esses cuidados, é hora de dar o acabamento final e passar um lindo esmalte. E a dica, neste caso, é não se preocupar em usar a mesma cor para as mãos e os pés. Isso é coisa do passado. Portanto, você pode escolher tonalidades diferentes, principalmente porque o esmalte das mãos tende a descascar com mais facilidade e o dos pés dura mais tempo. Definitivamente não há regras!”, explica a manicura Renata Souza.

Hidratação

Hidratação adequada é muito importante para os pés, sabia?

Hidratação adequada é muito importante para os pés, sabia? Foto: Thinkstock

Hidratação adequada é muito importante para os pés, sabia? Então, não deixe de usar cremes apropriados para manter a maciez nessa região – preferencialmente após o banho. Uma dica boa é colocar os pés numa bacia com água morna, cerca de 15 bolas de gude e uma pastilha de cânfora.

Movimente as bolinhas na parte de cima e de baixo dos pés. Depois, seque bem a pele – sobretudo entre os dedos –- e aplique um hidratante com óleos emolientes, como o de oliva. Se possível, repita a etapa de hidratação duas vezes ao dia, pois, como a área possui menor quantidade de glândulas sebáceas, fica mais suscetível ao ressecamento e às rachaduras.

Massagem nos pés

Massagem nos pés

Massagem nos pés Foto: Thinkstock

Para garantir pés lisinhos e ativar pontos sensíveis, aplique o hidratante escolhido realizando movimentos circulares na sola. Faça isso dos dedos até o calcanhar. No peito do pé, a pressão deve ser um pouco maior e em direção aos dedos.

Corte das unhas

Corte das unhas

Corte das unhas Foto: Thinkstock

Procure fazer um corte aprimorado das unhas. É muito comum você cortá-las de forma errada (muito curto, por exemplo), fazendo com que ocorra o encravamento da unha com evolução para inflamação mais grave. Por isso, mantenha a unha num tamanho que cubra o dedo e lixe bem para evitar que elas encravem.

Cores de esmaltes para o inverno

Cores de esmaltes para o inverno

Cores de esmaltes para o inverno Foto: Thinkstock

Se você quer aproveitar para deixar os pés ainda mais cuidados e passar um esmalte, saiba que no inverno fica um charme unhas com aquelas cores mais fechadas, como marrom, roxo e cinza.

Hidratação logo após a acetona

Hidratação logo após a acetona

Hidratação logo após a acetona Foto: Thinkstock

Quer evitar aquele ressecamento típico que aparece nas unhas? Então, aplique óleos nutritivos nelas logo depois de remover o esmalte. Isso ocorre porque a acetona resseca a primeira camada da unha e com o tempo vai enfraquecendo-a.

Neste caso, a dica é válida para os pés e as mãos, ok?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *